Vivendo as alegrias,as satisfações,as confusões de ser mãe de quatro lindos filhos!

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Escola X Piolhos

Olá mamães tudo bem? Espero que por aí esteja tudo certinho, porque por aqui estamos numa animação para o Carnaval, ontem sair pra comprar a fantasia dos meninos, que é claro foi de super-herói, um será o Capitão América e o outro o Homem de Ferro, eles que escolheram, pois amam o filme Os Vingadores, mamãe também, kkkkkkk, e esses são os meus heróis favoritos!!! Quando me lembro que alguns anos atrás vivia no mundo de fadas e princesas, com as meninas,  tudo tão delicado, quanta diferença, kkkkkkkk!! 

Bem mamães o tema volta às aulas ainda não saiu da minha cabeça, (acho que é porque ainda estou muito envolvida com isso), já falei aqui sobre a escolha da nova escolinha e sobre a lista de matérias, hoje vim falar de um tema que tem mais ou menos a ver com a escola, pelo menos, eu acho, vim falar sobre aqueles "amiguinhos, super indesejáveis, que geralmente aparece no período das aulas, que são os PIOLHOS!!! AFFFF!!!

Já tive infelizmente a visita deles aqui em casa principalmente quando Driele e Fernanda eram crianças, elas sempre gostaram dos cabelos grandes, afinal, são meninas, e eu assim os mantinham, só que, durante o período das aulas, eu ficava muito, mais muitooooo atenta aquelas madeixas, pois, se um bichinho daqueles caíssem ali dentro, ai meu Deus do céu! Seria uma catástrofe!!!! E nao é que caiu?

Quando encontrei o primeiro visitante, gente eu confesso, fiquei loucaaaa, e com uma sensação de que não estava cuidando delassss direito, isso mesmo, as duas pegaram o maldito, bom...depois do susto fui correr atrás de extermina-los dos cabelos de minhas filhas.

A primeira atitude foi, passar pente fino todos os dias na hora do banho, mais infelizmente isso só não foi o suficiente, então partir para o plano B, comprei um remédio na farmácia e apliquei, corretamente, lendo todas as instruções do rótulo, só que esses remédios so podem ser usados duas vezes no ano, eles foram eficazes mais, logo depois lá estavam eles de novo, e eu já não podia mais usar o remédio. Então fiz o que deveria ter feito desde o início, procurei o pediatra delas, que por sua vez não gostou muito que eu tivesse colocado o remédio na cabecinha delas, ele me passou outro, dessa vez oral, mamães, que maravilha de remédio, com a ajuda desse remédio e com o reforço do pente fino consegui enfim exterminar, esses bichinhos.

Hoje com os meninos é mais tranquilo, acho que é por causa do tamanho dos cabelos. Uma vez até apareceu um em Magninho, ai então,  fiz um remédio caseiro com viangre que é muito bom, e sempre estou passando já pra evitar que eles apareçam, vou deixar a receita aqui pra vocês!!

É super fácil de fazer:

Ingredientes :

  • 1 copo de vinagre
  • 1 copo de água morna
Modo de preparo:

Misture o copo de vinagre com o copo de água morna, depois aplique ao couro cabeludo usando um algodão, não deixe entrar em contato com os olhos. 
Depois cubra com uma touca e deixe agir por trinta minutos. 
Depois desse tempo retire a touca e passe o pente fino. 
Lave o cabelo com bastante água e shampoo da sua preferência, sempre com o auxílio do pente fino. 
Repita o processo depois de 15 dias. 

Muita gente associa o piolho a sujeira, mais não é, eles passam de uma cabeça para outra através de um simples contato, um abraço, um pente, boné, entre outras coisas, os cabelos podem está limpos, mais se eles entrarem com certeza vão fazer estrago. Óbvio que lavando os cabelos e passando o pente fino todos os dias vai ajudar com eles não permaneçam. 

Um piolho pode viver até dois meses na cabeça de uma pessoa e durante esse tempo colocar 300 ovos, justamente por isso, que assim que detectarmos a visita deles, temos que agir rapidamente, para que não se espalhem! 


O ideal também é ferver as roupas e os lençóis da pessoa infectada, pois eles podem viver até dois dias fora da cabeça. 

É muito importante também informar a professora que o seu filho pegou o piolho, para que ela entre em contato com as outras mães e todas juntas combatam, porque não vai adiantar se só você cuidar da cabecinha dele, pois, assim que ele chegar na escola pegará novamente.

Então é isso aí, vamos a luta contra esses malditos bichinhos!!!! 

Até mais!!! 

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Como previnir e como nos proteger do mosquito Aedes Aegypti

Olá mamães, tudo bem com vocês? Por aqui tudo sobre controle, gracas a Deus, meninos matriculados na escola nova, que eles amaram, inclusive, e mamãe também, rsrsrs, agora tô aliviada, tranquila...só falta correr pra comprar os materias, mais o importante é que enfim achei a escolinha!!

Vamos ao nosso assunto de hoje, bem...o Brasil está em alerta a respeito da Dengue, Chikungunya e Zika e nós mamães ou futuras mamães estamos muito, mais muitooooo preocupadas com os nossos filhos, afinal, essas doenças podem trazer consequências gravíssimas, e em algumas vezes levam até a morte, é por isso, que temos que nos prevenir e proteger para que nenhuma dessas três doenças cheguem entre nós.

Antes de mais nada temos que nos previnir contra esse mosquito, e a prevenção é tão simples, mais ela não depende só de mim, ela depende de uma corrente onde todos trabalhamos juntos, como? Vou te dizer agora: NÃO PODEMOS DEIXAR ÁGUA PARADA!!

  • Se tem uma plantinha no vaso em casa, encha o pratinho dela de areia até a boca. 
  • Plantas aquáticas, troque a água delas uma vez por semana e lave o vaso com escova e sabão 
  • Não jogue lixo em terrenos baldios, coloque-os em sacos plásticos dentro da lixeira e a mantenha tampada. 
  • Deixem as garrafas vazias sempre viradas de cabeça para baixo. 
  • Escorra toda água acumulada da lage ou de qualquer outro lugar. 
  • Retire tudo que possa impedir a água de correr pelas calhas. 
  • Lave semanalmente os tanques utilizados para armazenar água, sempre com escova e sabão. 
  • Mantenham tampados barris e tonéis que possam acumular água. 
  • Guarde pneus em lugares cobertos e abrigados da chuva ou entregue ao serviço de limpeza urbana da sua cidade. 
  • Caixas d'água sempre fechada e com a tampa adequada. 

Aqui em casa estou sempre atenta a tudo isso, combato mesmo, mais infelizmente se o meu vizinho não fizer a mesma coisa de nada adianta, por isso, precisamos nos unir, e trabalhar para exterminar esse mosquito.

Mais já que ainda não conseguimos acabar com eles, vamos então nos proteger deles. Temos muitas maneiras de fazer isso, muitos tipos de repelentes hoje no mercado, e cada um garante que são eficazes, e que realmente protege do mosquito. Eu particularmente gosto dos repelentes caseiros, costumo fazer e pra mim vem dando certo!

Enfim, já dei dicas de como prevenir o mosquito Aedes Aegypti , agora vou dá dicas de como nos proteger dele.

Vou deixar aqui uma receita de repelente caseiro que é muito conhecido e que confesso, uso muito nos meus filhos e pode ser usado por gestantes também:

Repelente caseiro;

Ingredientes:

  • 500 ml de álcool de cereais; 
  • 10 g de cravo-da-índia; 
  • 100 ml de óleo de amêndoa, ou um óleo de criança; 



Modo de preparo:

Coloque o álcool e o cravo-da-índia em um recipiente escuro e proteja da luz do sol, durante quatro dias, e de vez em quando misture, passado os quatro dias, coe, acrescente o óleo corporal e agite.

Como usar o repelente:

Com a mão espalhe por todo o corpo, braços, pernas e rosto, mais lembrem-se que o tempo de duração são de 3 horas.

Existem também outros tipos de repelentes, que são aqueles que podemos comprar em mercados e farmácias, já usei alguns deles, e vou dar algumas dicas dos que já usei.

Repelentes para crianças:

  • Johnson's baby loção anti mosquito, 4 horas de proteção, é indicado para crianças a partir de 06 meses. 
  • Off Kids loção, 02 horas de proteção, é indicado para crianças a partir de 2 anos. 
  • Super Repelex Kids gel refrescante, indicado para crianças a partir de 2 anos, e oferece 3 horas de proteção. 
  • Turma da Mônica repelente infantil loção, indicado para crianças à partir de 06 meses. 
Mais atenção mamães esses repelentes possuem produtos químicos, por tanto, todo o cuidado é pouco, já usei todos eles em meus filhos que não apresentaram nenhuma reação, mesmo assim prestem atenção, afinal nenhuma criança é igual a outra, então leiam as indicações do rótulo, e usem com cautela! 

E vamos juntos combater o foco do mosquito, acho que, todos em uma só corrente, num mesmo propósito e pensamento conseguimos acabar com esse mosquito!! 

Então mamães, vamos fazer a nossa parte? 

Bjs!! 

sábado, 23 de janeiro de 2016

Lista de materias escolar, Procon-Ba divulga lista de materias abusivos.

Olá mamães!! Tudo bem?? Por aqui tudo certinho, graças a Deus!!!

Olha só, ontem vim aqui e falei que estava procurando uma nova escola para meus filhos, pois é, ainda não achei!! Mais pegando o gancho do assunto escola, hoje vim falar da lista de materiais, que algumas vezes podem ser abusivas, e por isso temos que estar sempre atentas a isso.

O Procon-Bahia divulgou uma lista de materias que as escolas não podem exigir dos alunos, vou postar aqui pra que vocês observem e vejam se a escola de seus filhos estam pedindo algum material indevido.


Outra coisa que as escolas costumam fazer é colocar a marca do produto que elas estão pedindo, por exemplo, lápis de cor, hidricor, tesoura sem ponta, entre outros, todos ja vem com uma marca estipulada sinceramente, eu compro a marca que eu já conheço e que confio, e principalmente o que cabe no meu bolso, temos que ficar atentas com isso também.

Existe também a opção de pagar a taxa de materias na escola, olhe mamães, estou falando por experiência própria, sei que é bem mais cômodo pagar essa taxa, mais se vocês estão procurando economizar o jeito que tem é bater perna, pois eu garanto que a economia é certaaaaa, nunca paguei essa taxa sempre fui pra rua e sempreeeeee saia mais barato.

Quantidade de itens é outra coisa que temos que ficar atentas, as escolas costumam exagerar, por exemplo, já recebi listas que pediam, 20 lapis pretos, imagine!!!


Vou contar uma coisa pra vocês, logo quando Driele e Fernanda entraram na escola, eu comprava tudo exatamente como a lista pedia, e muito mais, gastava muitoooooo, e muitas vezes eu percebia que elas não usavam aquilo tudo, então, comecei a comprar o que era realmente necessário, nunca deixei que faltasse nada, mais comecei a comprar com moderação!!

Por tanto, vamos ficar de olhos abertos, comprar o que realmente seja necessário para eles durante o ano.

Fica a dica!!

Bjs!!

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Mudando de escola; o que procurar!!

Olá mamães, tudo bem por aí? Por aqui as coisas já estão meio que em ritimo de carnaval, afinal, estamos na Bahia, e em Salvador, e aqui o coro comeeee, rsrsrs, e eu não vou mentir, sou uma mamãe muito animada e amo carnaval, por isso, estou contando os dias!!

Bem mamães, enquanto o carnaval não chega vamos falar de coisa séria, é o seguinte...estou mudando os meninos de escola por alguns motivos, um deles e o principal é que quero uma mais próxima de casa, pois eles estão chegando muito cansados tanto lá como aqui!!

Já andei visitando algumas, mas, ainda não matriculei, quero fazer a escolha certa, ainda mais porque eles gostavam da outra escola, e não estão muito felizes com essa minha decisão.


Mais o que procurar numa escola na hora de matricular as crianças? existem muitas coisas envolvidas na hora de confiar a educação dos filhos a alguma instituição de ensino. Pra começar uma das primeiras coisas é saber qual o método de ensino usado naquela escola, se é, tradicional, construtiva ou montessoriano e saber o que mais se adequa a seu filho. No meu caso, gosto muito do método construtivista, acho que meus filhos se adaptaram muito bem a ele. Sabendo disso vamos para outras questões tão importantes quanto essa.

O espaço físico é uma das coisas que conta muito pra mim, a área de lazer, biblioteca, quadra de esportes, acho que a criança precisa de atividades também fora da sala de aula, por isso acho de muita importância que a escola ofereça tudo isso.

Outra coisa que conta e é um dos principais aspectos é a segurança, como a escola lida na questão do entra e sai dos alunos, isso me preocupa muito, outra coisa é em relação a piscina na escola, eu, particularmente,  não gosto, e não matriculo se tiver, não vejo necessidade.

Quantidade de alunos na sala de aula é de fator muito importante também, tem escolas que super lotam as salas e com certeza uma professora não será o suficiente para atender, tirar dúvidas e interagir com todos eles.

Se o aluno apresentar dificuldades no aprendizado ( como é o caso de meu filho ) como a escola lida com isso?  o que ela oferece para que aquela criança consiga se desenvolver? e aí aparecem muitas questões inclusive, se a escola é inclusiva, dependendo do diagnóstico que aquela criança venha ter.

Na hora do intervalo as crianças menores não se misturem com as maiores, cada um tem o seu horário de recreio.

Como a escola incentiva o aluno aos estudos? existem, por exemplo, olimpíadas de matemática, feira do conhecimentos, entre outros que o envolvam naquela matéria?

Esses são apenas alguns pontos que acho importantes na escolha de uma escola, é claro que existem vários outros, como por exemplo se a mensalidade é compatível com o que a escola oferece e com o seu bolso, rsrsrs.


Alguns outros pontos só vamos saber de fato, no decorrer do ano, é por isso que temos que está sempre ligadas e sempre em contato com a escola, tanto, através da agenda do aluno como presente em todas as reuniões.

Sei que não existe uma escola perfeita e que atenda a todas as nossas necessidades, mais acho que essas são as principais, pois, quero para os meus filhos um ensino de qualidade, para que no futuro eles colham tudo aquilo que está sendo plantado hoje!

Quando Driele e Fernanda estudavam  eram exatamente esses requisitos que procurava nas escolas que elas estudaram, acho que deu certo,rsrsrs!! Por isso posso garantir que estou falando por experiência própria!

Por hoje é só mamães, vou continuar a minha procura, e com fé em Deus, encontrarei!!

Bjs, até amanhã!!

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

A polêmica da amamentação em público

Olá mamães, como vão as coisas por ai? Aqui está tudo bem, fora o calor, o abafamento, e o mormaço, está tudo bem!! Estou aqui num corre-corre atrás de uma nova escola para os meninos, mais isso ai é assunto pra outro dia, rsrsrsrs!!

Hoje eu vim aqui falar sobre essa polêmica que está acontecendo a alguns meses sobre a questão da amamentação em público, vou dizer uma coisa pra vocês mamães, eu estou indignada com isso, como pode existir pessoas que se sentem mal ao ver uma mãe amamentado o seu filho? Não consigo entender o que há de errado nisso, muito pelo o contrário a única coisa que vejo nesse ato é amor, carinho e cuidado!!

Eu amametei meus dois filhos menores até três anos, e foi a melhor escolha que fiz, na minha vida e pra vida deles. Até seis meses foi exclusivamente leite materno, nem água eles bebiam, e por isso eu os amamentavam sempre quando eles "gritavam", se eu estivesse em local público também, não contava conversa, um paninho pra cobrir e pronto tudo resolvido. Nunca me senti mal com isso, mas, já percebi algumas vezes pessoas até do meu convívio constrangidas, só que eu amava tanto aquele momento me envolvia tanto que não ligava muito pra o que iam pensar! Hoje eu estou vendo que as pessoas deviam estar me censurando ao me ver praticar um ato de PURO AMOR.


Existem relatos de mulheres que foram impedidas de amamentar em público, pois as pessoas que frequentavam aquele lugar poderiam ficar constrangidas com aquele ato. Agora eu me pergunto, que tipo de pessoa fica constrangida em vê uma mãe amamentar o seu filho? Eu realmente não consigo entender!!

Em São Paulo, ja existe uma lei que irá punir qualquer estabelecimento que proibir uma mãe de amamentar, a lei também diz que não é necessário existir uma área para isso, e mesmo que tenha as mães não podem ser impedidas.

E já aconteceram em alguns lugares do país, uma espécie de mamaço, muitas mamães se reuniram em praças públicas, shoppings e parques e todas ao mesmo tempo amamentram seus filhos em forma de protesto pelo direito de amamentar em público.


É uma pena que essa questão da amamentação tenha gerado tanta polémica, pois o leite materno é o principal alimento do bebê nos primeiros seis meses e nele já existem todos os nutrientes que eles precisam para crescerem saudáveis, além de ser prático, pois ele já sai na temperatura certa não corre o risco de ficar azedo, e esta sempre pronto na hora e no local que o bebê necessitar, e alem disso tudo, amamentar é um ato de amor, é uma pena que existem pessoas que não conseguem enxergar isso!!

Se tivesse outro filho hoje amamentaria SIM, e sempre quando ele chorasse, é assim que penso, me desculpem mais não posso ser contra a quem oferesse amor!!

Mamães, deixem suas opiniões se vocês são a favor da amamentação em locais públicos!!





quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Crianças, vamos preservar o nosso Planeta!!

Olá mamães, como vão as coisas por ai? Aqui graças a Deus estamos bem, estamos aproveitando o finalzinho das férias e curtindo muitoooo!!

Hoje vamos falar sobre um assunto que está deixando o mundo em alerta, é a falta de preservação do nosso meio ambiente, será que estamos fazendo a nossa parte, e cuidando do nosso Planeta? E se estamos, será que é o suficiente? E os nossos filhos, estão sendo bem orientados em relação a isso?



Bem, aqui em casa sempre fui muito atenta a essas coisas, e as lições sobre esse assunto são diárias, quero dizer, já está em nosso cotidiano. Nós, mamães, conscientes do que o nosso Planeta precisa de ajuda, temos que ser o exemplo para nossos filhos, e são justamente nessas tarefas que mostramos isso pra eles, na hora de escovar os dentes, não deixe a torneira aberta, quando for tomar banho, vamos desligar o chuveiro pra passar o sabão, quando saímos de um cômodo sempre apagar a luz, e que tal separar o lixo? E quando fomos passear levamos o nosso lixo com a gente até encontrarmos o lugar certo onde deixa-lo.

A escola geralmente nos ajuda muito sobre essa questão. Sempre os meninos trazem trabalhinhos que ensinam na preservação do meio ambiente e lições que a professora ensina. Cabe a nós em casa reforçar com os nossos exemplos!!

Eles já sinalizam que se preocupam com essa questão, pois, sempre que veem uma torneira ligada desperdiçando água, alguém jogando o lixo no chão, até arrancando uma folha de uma árvore eles acham um absurdo, pois, sabem que na nossa casa não permitimos isso, já estão acostumados.

Acho que estou indo no caminho certo, até porque, uma vez colocando a roupa na máquina, enfiei a mão no bolso do short de Magninho ( 8 anos) e achei vários papéis de bala dentro, fiquei muito emocionada com aquilo, pois ele fez do mesmo jeito que ele vê eu fazer, provavelmente ele não achou o lixo então guardou no bolso!!



O nosso Planeta agradece as nossas atitude para preservá-lo. Com tudo que ele nos oferece isso ainda é muito pouco, precisamos de mais, mais respeito a ele, mais educação, mais consciência e mais atitudes!! Não podemos desistir afinal, nós mamães temos uma das ferramentas mais importantes em nossas mãos, que são os nossos filhos, é a partir deles e com os nossos exemplos que vamos conseguir um Planeta mais limpo, mais verde, e com muito, muito mais cores e vida!!!

Então e aí? Vamos preservar??
A responsabilidade está em nossas mãos!!

Bjs mamães!!!

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

A emoção de formar um filho!!

Olá mamães, tudo bem por aí? Por aqui está tudo muito bom, pois, esse tempo que fiquei afastada do blog aconteceram muitas coisas, a maioria delas boas, graças a Deus, e é sobre uma dessas coisas boas que hoje vim aqui falar com vocês.

Bem...quando nossos filhos nascem o que mais desejamos pra eles além de muita saúde é que eles tenham um futuro promissor e que façam aquilo que gostem, e é a partir daí já começamos a sonhar com isso...procuramos sempre a melhor escola, colocamos em cursos de inglês, informática, se tem alguma dificuldade em alguma matéria recorremos para um reforço escolar e ficamos de cabelo em pé, na hora das notas finais, muitas vezes ficamos mais ansiosos que eles, tudo isso em busca de um sonho, que não será somente deles, será nosso também, chegar até a formatura, a profissão escolhida por eles... formar um filho eu imagino que seja uma das maiores emoções que podemos sentir, só de imaginar me arrepio!!

Para que isso tudo aconteça depende muito e muito mesmo da força de vontade deles, da dedicação, das abdicações que eles durante o caminho terão que fazer, e de todo o esforço que será feito até que aquele objetivo seja alcançado, sim isso dependerá deles, mais uma boa parte também dependerá de nós, dependerá de como vamos guiar os passos deles durante esse caminho, seremos o apoio, estaremos ao lado deles para que consigam ir até o fim, e o fim nesse caso será apenas o começo de tudo!!!



Minha filha mais velha acabou de concluir o segundo grau, isso pra mim já foi uma emoção, agora ela parte para a próxima etapa que será a faculdade que ela mesmo escolheu, psicologia, vou confessar que já ando sonhando em entregar o diploma pra ela, kkkkk. Estive do lado dela todo esse tempo, apoiando e estimulando em tudo que ela precisava e em tudo que estava ao meu alcance, e nessa próxima fase estarei eu aqui de novo de pé prontinha para ajudá-la no que for preciso...E assim será se Deus me permitir com todos eles!!

Aqui em casa ela tem vários exemplos de profissionais: Bioquímica, advogada, enfermeira, jornalista, arquiteta, engenheira, dentista...e por ai vai, cada um com a suas histórias de lutas de força de vontade e de determinação para conseguir alcançar a vitória!


E nesse início de ano tivemos o prazer de ver formar mais um de nossos membros, Larissa, filha de minha tia, acabou de se formar em Medicina pela Faculdade Federal do Vale do São Francisco, emoção para todos nós, um orgulho e um prazer poder vivenciar esse momento, mais do quê isso, ver a satisfação, a emoção, a sensação de dever comprido nos olhos dos pais dela foi demais!!! Aquilo tudo foi de Larissa para eles, porque eles também merecem, nós, pais que um dia conseguirmos formar um filho, seja lá em que for, nós dias de hoje merecemos também sermos aplaudidos de pé!!!

Fazemos tudo o que fazemos para eles sem querer nada em troca, a única coisa que queremos é vê-los um dia encaminhados nessa vida, tenho certeza que esse é o sentimento de todas nós mamães, que se dedicam e vivem pra cuidar de seus filhos!!!

Bjs e até a amanhã!!! 😘😘😘😘


domingo, 17 de janeiro de 2016

A volta por cima...

Porque ser mãe de quatro filhos não é fácil, e ser sozinha, fica mais difícil ainda!!! Todas, todas, e mais todas as decisões eu tenho que tomar sozinha, aliás, o pai das meninas até que é presente, pois, quando digo que preciso de ajuda ele me socorre, mas, o dia-a-dia, o grosso, sou EU e EU, todas as decisões passam por mim, às vezes pode parecer uma decisão boba mais quando se tem que tomar sozinha o peso e a responsabilidade parece que dobram de tamanho, me sinto tão sobrecarregada.

Tem gente que pensa que porque Driele com 18 e Fernanda com 17 não tenho mais tanto trabalho com elas...tenho sim, apesar de serem meninas ótimas, calmas, mas existem as preocupações da idade, que são normais de todas as mães de adolescentes, se vai sair: pra onde vai?, com quem vai?, que horas volta? ( graças a Deus as minhas não gostam muito de rua), se estão namorando: quem é? onde mora?  faz o que dá vida? e elas estão justamente na fase do namoro, as duas namoram com meninos ótimos, conhecemos a família deles e estamos bem tranquilos em relação a isso, agora só é muita conversa, e conversa bem clara, do tipo:  não é hora disso( se é que vocês me entendem) é hora de focar nos estudos, falo demaissssssss sobre isso com elas. E o pai sempre me cobrando, sem-preeeeeee!!!!


Agora os meninos...Magninho 8 anos e Miguel 5 anos, toda a formação deles está sobre a minha responsabilidade, exatamente TUDOOOO, formação de caráter, valores éticos, estudos, saúde...e isso muitas vezes me dá um medo, me causa uma dúvida, será que estou no caminho certo? Pra falar a verdade eu não sei. O que sei é o seguinte: com eles me cobro mais, me acho mais durona, dou mais em cima deles, pois acho que por serem meninos ( homens) a vida cobra mais, por isso faço dessa forma.

De uma coisa eu sei...se um dia eles forem pessoas dignas, de bom caráter de boa índole ( que serão pois já demonstram isso) o mérito será só deles!!! Agora se forem pessoas ruins a culpa será só minha!!!

Faço tudo por eles...tudo que está ao meu alcance, ensino tudo que aprendi com a minha saudosa mãe, digo não, sem medo, e principalmente, amo meus filhos e demonstro esse amor não só em palavras todos os dias, como também nos meus atos!!! O que desejo pra eles é o que todas vocês mamães desejam pra os seus filhos...saúde em primeiro lugar, força pra lutar quando estiver na hora, que sejam pessoas direitas, confiáveis, honestas, amáveis, e tudo mais tudo que há de bom nessa vida!! Estou aqui pra isso, pra que eles se apoiem em mim até a hora de voarem sozinhos...irei carregar todos até esse momento, por mais difícil e pesado que pareça, mas que pareça pra mim, porque pra eles a vida ainda é leve!!!

Mamães, isso tudo que leram agora foi sim um desabafo, para poder explicar um pouco do meu sumiço aqui,  fiz esse blog na intenção de me desligar um pouco dos problemas que todas nós temos e esses dias esqueci dele um pouco mais estou de volta e prometo todos os dias um post novo, e vou falar de tudo, tudinhoooooooooooo...obrigado por lerem e desculpem qualquer coisa!!!!

Até amanhã!!!!